Sinopse

"- ...Só que aí você volta, e te amar é tão mais fácil...."

terça-feira, 16 de abril de 2013

Eu odeio a Miley Cyrus - Capitulo 30



Minha garota


Miley Narrando
Eu entrei em casa e subi para o meu quarto, tomei um banho e vesti uma camisola, deitei na minha cama e encarei o teto, embora agora as coisas estivessem bem claras, quer dizer, agora era definitivo, eu tinha realmente tirado Nick Jonas da minha vida. Bom, embora eu estivesse ciente disso eu nao estava triste, na verdade eu me sentia leve, eu arriscava ate dizer que me sentia feliz... Eu estava cansada do peso que o fantasma daquela relação trazia, eu parecia sempre presa ao passado, presa a ele. E agora era como se eu iniciasse uma nova fase da minha vida, totalmente liberta do Nick e daquele passado, com o coração livre das mágoas e aberto a se apaixonar novamente. Durante todos esses anos eu não consegui esquecer o Nick, mas depois de tudo que ele me disse de manha eu percebi que aquela magia acabou, tudo bem, nos ainda tínhamos química e tals, mas eu também tenho química com o Brad Pitt e isso não quer dizer que vamos ficar juntos!
 O fato era que eu não deixaria mais que o Nick ocupasse aquele pedestal no meu coração, e o lugar que antes era só dele ficaria em aberto para uma nova pessoa que merecesse, ou quem sabe uma antiga pessoa que merecesse, e sim eu estou falando do Liam!

Meu celular do nada vibrou em cima da cama e eu logo o peguei, um torpedo da Demi.
 
De: Dems
Para: Miles

Oi amore, só avisando que com tudo que aconteceu eu e o Joe adiamos a cerimônia para a outra semana, minha mãe ta insistindo que eu passe uns dias de repouso por causa da gravidez... E então, quero saber se ainda posso contar com a minha madrinha???

Eu respondi

De: Miles
Para: Dems

Claro que pode, alias já vou logo dizendo que eu exijo ser a madrinha do Joseph Jr ou da MiniDemi tambem!! Rsrsrsrs

Logo chegou a resposta.

De: Dems
Para: Miles

É claro que você vai ser a madrinha do meu filho ou filha, alias você e o Nick, eu e o Joe estávamos conversando sobre isso e ja decidimos!! E por falar nisso, que bom que voce e o Nick finalmente se acertaram, estou feliz que vocês voltaram!!
P.S Ja tava mais do que na hora rsrsrsrs

Fiquei meio sem jeito de responder essa...

De: Miles
Para: Dems

Nós não voltamos, foi apenas... sei lá, mais um deslize nosso, digamos assim, mas tudo bem se ele for o padrinho, eu não me importo...=)

Depois de uns dois minutos chegou a resposta.

De: Dems
Para: Miles

Ok, reunião de BFFs agora mesmo aqui em casa!!

Eu ri, a Demi não mudava mesmo, sempre querendo estar por dentro de tudo. Eu me vesti e fui ate a casa dela, a dona Dianna me recebeu com muito carinho, fazia algum tempo que não nos víamos, depois subi para o quarto da Demi, ela estava toda empacotada e deitada na cama, a mãe dela não a deixava nem respirar sozinha... Tadinha da Demi, se com ela já é assim, não quero nem ver o que eles vão fazer com a criança quando nascer!!

– Oi amore!! – Disse entrando no quarto, a mãe da Demi também entrou comigo.

– Oi My!! – Demi ia se levantar mas a dona Dianna correu para impedi-la.

– Demi o medico disse para você repousar, então trate de ficar deitadinha ai nessa cama! – Vi a Demi revirar os olhos.

– Ok mãe, eu estou gravida e nao com uma doença terminal!!- Ela bufou - Agora será que pode deixar eu e a Miles conversarmos em paz!

– Tudo bem, tudo bem eu já vou! – A dona Dianna deu um beijinho na testa da Demi – Miles, toma conta dela pra mim ta bem?! – Eu apenas assenti e ela saiu pela porta – Ah e não vá deixar ela se levantar da cama! – Ela voltou só para avisar isso e eu e a Demi rimos.

Depois que nos certificamos que a mãe da Demi não voltaria mais ela começou.

– E então, será que da pra me explicar que historia é essa de voce e o Nick nao estarem juntos porque pelo que eu vi la no camarim voces estavam bem juntos!! – Demi sempre foi assim, vai direto ao ponto.

– Ah Demi, foi coisa de momento, só atração, nada demais! – Eu disse um pouco sem jeito.

– Miley eu te conheço, sei que você sempre gostou do Nick e sei que depois daquilo que você me contou que aconteceu ente vocês la em Phoenix, você tinha esperanças de voltar com ele então me diz a verdade, foi só isso mesmo?!- Droga porque a Demi precisava me conhecer tão bem?!

– Ta, não foi só isso, pelo menos não pra mim... Mas pro Nick foi e, e eu cansei de ficar achando que a gente pode voltar porque na boa Demi, isso não vai rolar! – Eu deixei uma lagrima escapar, mas limpei rapidamente – O Nick nunca vai conseguir me perdoar porque na cabeça doentia dele eu não passo de uma vadia que o traiu, e eu já estou cansada de tentar provar pra ele que eu gosto dele de verdade, na verdade estou cansada de gostar dele, eu decidi que o melhor pra mim é esquecer dele e tentar ser feliz com uma outra pessoa sabe, alguém que me entenda e que, sei la, que me faça sentir bem! – Demi me olhou de canto de olho.

– Sei, alguém loiro, alto, com olhos azuis penetrantes e músculos de tirar o fôlego! – Ela começou a se abanar e eu ri. – Acho que esse alguém de quem você ta falando My, você já achou, é o Liam!

– Não vou negar que ele me faz muito bem... – Eu disse e ruborizei imediatamente – Mas não vou forçar a barra, o que eu fiz com ele não foi legal e mesmo que ele diga que esta tudo bem eu conheço os homens, não quero ninguém jogando nada na minha cara!

– Não, você não conhece os homens amor, você conhece o Nicholas que alias é bem infantil! – Demi revirou os olhos - O Nick é um bobo orgulhoso, ele prefere ficar sofrendo e sendo infeliz a esquecer o passado e dar uma nova chance a vocês e isso me irrita! Já o Liam não, eu tenho certeza que tudo que ele quer é uma chance para te conquistar e escreve o que eu to dizendo, depois que ele conseguir isso o Nick pode vir pintado de ouro, e já era pra ele tadinho! – Eu ri da frase da Demi.

Nos conversamos por mais algum tempo, sobre coisas bobas, Demi estava toda animada com essa historia de ser mãe, eu sabia que ela seria uma ótima mãe. E por falar nessa coisa de ótima mãe, pouco tempo depois Joe, que eu também achava que seria um ótimo pai, chegou com um par de sapatinhos azul lindo, ele jurava que o bebe ia ser um menino, disse que podia sentir isso no coração dele, eu e a Demi apenas rimos.
Quando eu já estava de saída o Nick chegou na casa da Demi, percebi que ele não esperava me encontrar la, mas diferente das outras vezes não me ignorou, pelo contrario, abriu um sorriso significativo quando me viu e eu apenas retribui com descazo, é incrivel como gente do tipo dele acha que pode mudar o mundo com um sorriso...Ele tinha trazido um presente para o bebe da Demi, um casal de patinhos de pelúcia, muito fofo. O tal brinquedo deveria cantar uma musiquinha mas ninguém sabia fazer funcionar, só que como a Noah tinha um daqueles eu sabia, então eu fiz tocar, a Demi adorou o presente, passou a noite toda fazendo os patinhos cantarem a musiquinha...

– Ok gente, eu já vou indo... – Eu disse me despedindo da Demi com um abraço, depois caminhei em direção a porta.

– Também já vou... – Nick disse a eles – Tchau mano, tchau Demi e vê se cuidam bem do meu sobrinho ou sobrinha!

Fiquei um pouco sem jeito quando Joe veio deixar o Nick e eu na porta, mas foi ainda mais constrangedor quando ele bateu a porta deixando-nos sozinhos. Meus planos eram caminhar o mais rápido possível ate o meu carro e me emburacar nele, mas parece que esses não eram os mesmos planos do Nick.

– Er...O Joe me disse que a Demi chamou você para ser a madrinha do bebe... – Ele puxou assunto.

– Pois é, e você vai ser o padrinho né?! – Eu disse só para não ter que deixá-lo no vácuo, embora ele ate merecesse.

– É... quer dizer, se estiver tudo bem pra você...

– Claro que esta, porque não estaria?! – Eu disse dando ombros - Alem do mais essa escolha não é minha, é da Dems e do Joe, eles é que decidem isso!

– É... é mesmo... Miley – Ele parou de andar e eu acabei parando também – Lembra daquele dueto que combinamos de fazer no casamento do Joe e da Demi...

– Lembro, lembro sim, olha se quiser cancelar ta tudo bem, acho que a Cindy arruma uma outra coisa qualquer pra colocar no lugar... – Ele me interrompeu.

– NÃO!! Eu não quero cancelar! – Ele me encarou – Eu, eu ainda quero cantar com você!

Senti o meu coração acelerar quando ele disse isso, mas me controlei e agi com naturalidade.

– Ok então, a gente canta! – Sorri

– Quando você vai voltar para Dallas? Porque a gente podia marcar um ensaio antes da festa, o que você acha?!

– Ah eu estava pensando em voltar só um dia antes, mas a gente pode ensaiar a noite, o vôo chega de tardezinha la ne?!

– É... – Ficamos em silencio por alguns longos segundos.

– E você volta quando pra la?! – Perguntei

– Ah, junto com o Joe e a Demi na quarta feira... Por mim voltava amanha mesmo, não tenho muito o que fazer aqui em L.A!

– Entendo... Bom, eu já vou indo ate outro dia Nicholas! – Eu me virei para ir embora.

– Miley! – Ele chamou um pouco mais alto já que eu tinha dado alguns passos, antes que eu me virasse para encará-lo ele continuou – Voce sabe que eu odeio quando você me chama assim! – Não sei exatamente o que aconteceu comigo, mas algo naquela frase soou mais apelativo do que deveria e isso me incomodou.

Nick Narrando

– Engraçado, eu tambem não gosto quando você me chama de vadia, mas isso não te impediu de chamar! – Ela disse isso e me deixou sem palavras na hora, então seguiu a passos largos para o carro dela.

Eu também segui para o meu carro, entrei fechei a porta e coloquei o cinto, dei a partida e respirei fundo. Eu estava arrependido, nunca, repito NUNCA, nada foi tão difícil quanto vê-la sair por aquela porta hoje de manha...As coisas que eu disse foram em vão pois eu não sentia nada daquilo, eu estava sendo orgulhoso, bobo, ate meio infantil. Já ela, as coisas que ela me disse causaram mais impacto do que aquele tapa que ela me deu. Tao estúpido, foi isso que eu fui, é isso que eu estou sendo... Eu a amo, eu a quero na minha vida mas eu sempre deixo o meu orgulho falar mais alto toda vez que estou perto dela. Ainda lembro dos olhos dela marejados de lagrimas enquanto eu a mandava embora, enquanto eu a expulsava da minha vida... A pior parte disso tudo é que eu realmente não queria que ela fosse...

Liguei o radio do carro pra me distrair um pouco, estava tocando uma musica qualquer, mas já estava no fim e logo começou a tocar Misundertood do Bom Jovi, se eu não soubesse que era impossível alguém saber como eu estava me sentindo nesse exato momento eu diria que tinham pedido pra tocar essa musica de propósito!


Musica do capitulo: http://www.youtube.com/watch?v=jtnnIDzjGPo

“Eu deveria? Eu poderia?
Ter falado que as coisas certas estavam erradas mil vezes
Se eu pudesse voltar atras, eu veria que você sempre esteve em minha mente
Se eu pudesse voltar no tempo, você ainda seria minha
Você chorou, eu morri por dentro
Eu deveria ter fechado minha boca, eu só fiz as coisas piorarem
Como se as palavras escorregassem pela minha língua, e como elas soaram estúpidas
Se esse velho coração pudesse falar, ele diria que você é a única
Estou desperdiçando tempo quando penso sobre isso
Você chorou, eu tentei
Distorcer a verdade, mas não menti
Eu sei que é o que parece, mas não é tão ruim quando você pensa sobre isso
Eu deveria ter dirigido a noite toda
Eu teria ultrapassado todos os sinais
Eu fui incompreendido!!
Eu tropecei como minhas palavras
Fiz o melhor que eu pude
Eu estou parado do lado de fora da sua porta
Eu já estive aqui antes, incompreendido
Eu tropecei como minhas palavras
Fiz o melhor que pude
Droga! Incompreendido
Boas intenções!”

Algo nessa musica, talvez ate inconscientemente mexeu comigo, derrepente eu me vi dirigindo ate a frente da casa da Miley, talvez numa tentativa frustrada de chegar a tempo de alcançá-la e de dizer a ela que eu sinto muito por ter sido tão idiota, que sempre a amei e que a quero mais que tudo nesse mundo...
Cheguei a frente da casa da Miley, estava parado do lado de fora da casa dela, como já estive antes para pedi-la em namoro.

Flash Back On

Quando eu conheci a Miley eu me apaixonei por ela instantaneamente, aquele sorriso, os olhos penetrantes aquele jeito sempre alegre e extrovertido, tudo nela me encantava e foi inevitável aquele sentimento arrebatador tomar conta do meu peito. Acho que o mesmo aconteceu com a Miley já que no mesmo dia em que fomos apresentados eu a convidei para sair e nós nos beijamos. Desde então eu e a Miley começamos um relacionamento, sempre saiamos juntos e acabávamos por nos beijar, sabíamos que entre nos dois não podia ser só amizade, não conseguíamos resistir um ao outro então eu decidi depois de um mês nessa coisa toda de amizade colorida, pedi-la em namoro.
Mas eu não sabia como fazer, a Miley era especial e alem de tudo eu queria fazer algo diferente pra ela, algo que ninguém nunca tivesse feito e nem nunca fosse voltar a fazer então fiquei pensando a semana inteira no jeito ideal de pedi-la em namoro, ate que eu tive a idéia e modéstia a parte, acho que foi um dos mais belos pedidos de namoro que uma moça já recebeu.
No dia que eu determinei para começarmos a namorar eu fui a casa da Miley a meia noite, parei bem debaixo da janela dela e atirei algumas pedrinhas para que ela viesse ver o que era... Como o planejado ela veio ate a janela e quando me viu tomou o maior susto.

– Nicky o que você ta fazendo aqui garoto?! – Ela me encarava da sacada.

– Eu vim te ver! – Eu disse com um sorriso – Estava com saudades e tambem tem uma outra coisa...

– Outra coisa?! E o que é?!

Eu apenas sorri e tomei em minhas mãos o violão que eu trouxe comigo, então cantei para ela a musica que eu compus especialmente para esse pedido Please be mine. Percebi que a Miley não esperava por um pedido desse tipo, pelo menos não ainda, mas ela fiou feliz e eu também estava.

– Destiny Hope Cyrus quer ser a minha namorada?! – Miley sorria incrédula.

– Voce é completamente maluco Nicky! – Ela me olhava rindo – Voce ta brincando ne, quer dizer isso não é serio, é só uma brincadeira certo?!

– Eu to com cara de quem ta brincando? – Eu perguntei serio, mas ao mesmo tempo com um tom de humor – Eu não brincaria com uma coisa tão seria quanto namorar a dona dos olhos mais incríveis desse mundo! – Eu disse isso e arremessei ate ela uma caixinha de veludo com o anel que eu tinha comprado pra ela, onde mandei gravar Destiny Hope Cyrus Jonas. Quando ela abriu a caixa finalmente a fixa caiu, ela viu que eu estava mesmo falando serio.

– Voce não existe Nicky! – Foi tudo que ela disse antes de me olhar outra vez

– E então, você ainda não me deu sua resposta My, quer namorar comigo?

A Miley não me respondeu nada e por alguns segundos achei que ela não queria e quando a vi sair correndo da janela o desespero me invadiu, achei que tinha sido precipitado demais e que isso talvez a tivesse assustado mas quando vi a porta da frente se abrindo e a Miley saindo de la de dentro com seu pijama de Hello Kitie e um sorriso estampado no rosto eu soube que ela já tinha aceitado, algo colocava essa certeza no meu coração.
O que só se confirmou quando ela fez questão de colocar o anel no dedo na minha frente, para que eu pudesse ver e logo depois ela veio correndo ate mim e se atirou nos meus braços, então nos beijamos apaixonadamente.

– É claro que eu quero ser sua namorada, é o que eu mais quero desde que te conheci! – Ela disse envergonhada assim que quebramos o beijo.

– Voce é tudo que eu mais quero desde que te conheci! – Eu juntei nossos lábios mais uma vez – Minha garota!

Flash Back Of

Algumas coisas mudaram com o tempo, mas aqueles sentimentos ainda existem dentro de mim, eu ainda a quero da mesma maneira que queria naquela noite, mas eu acho que machuquei a Miley demais, não sei se ela vai me dar uma outra chance...

Catei algumas pedras e atirei na janela dela, uma, duas, três... sete, oito, nove pedras e ela não apareceu na janela. É, parece que aquela noite não vai se repetir...

– Vai Miles, não faz isso comigo, aparece! – Atirei a ultima pedra que tinha em mãos, mas ela não apareceu e isso só fez o meu oração ficar ainda mais apertado.



Continua...

10 comentários:

  1. OMG !!!!!!! COMO O NICK FOI UM FOFO *---------* , eu daria uma outra chance pra ele :3
    OHHH GOSH , falta só 2 capitulos *--*
    POSTA LOGO!!!!
    TO MEGA CURIOSA!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também daria... Será que a Miley vai dar?
      Vamos ver néh?!
      Bjsssss

      Excluir
  2. Esta perfeito!
    Acho que o Nick mereceu o que a Miley disse a ele:
    – Engraçado, eu tambem não gosto quando você me chama de vadia, mas isso não te impediu de chamar!

    O Nick era muito fofo no passado, pena que as coisas mudaram.
    Posta logo!!
    Beijos!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele realmente mereceu, e mereceu o tapa tambem... Ele foi um menino mau, hum!
      Mas ele está arrependido, tadinho!
      Ja postei mais um!
      Bjssss

      Excluir
  3. Voltei, finally!
    Desculpa não comentar, mas minha vida ta muito corrida, como eu já disse...
    Mas, finalmente consegui me atualizar na sua fic, tava tentando a mais de uma semana, talvez duas...
    Tudo ta muito perfeito, principalmente o final desse capítulo, eu to totalmente apaixonada por ele!
    Nick finalmente foi fofo e finalmente percebeu o que ele tava fazendo, só espero que não seja tarde demais...
    Ah, mas bem que a Miley podia aparecer, ele ta tentando vai, finalmente foi fofo, ela podia aproveitar!
    Postaaaa!
    Beijos :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo bem, minha vida também é um eterno corre corre, mas fico feliz de vc ter dado uma passadinha por aqui!
      Ja postei!
      Bjsss

      Excluir
  4. Ooii :3 Leitora nova!
    Faz quase uma semana que eu descobri seu blog, e cara eu to apaixonada pela sua fic! É uma historia tão gostosa de ler... E é niley <3
    Quando vi o titulo do seu blog eu pensei: nossa mas odeia a miley? Ai eu vi que era uma fanfic e ja fiquei doida pra ler!! *--*
    Nao entendo pq tem tao poucos comentarios :c
    Bom, voce ta de parabens a historia e realmente mt boa!
    Ah e o classico.. "Posta logo!" hahaha :P
    Beijos!!
    Isabella

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá e seja bem vinda!
      Obrigada pelos elogios e só uma perguntinha, vc tem blog? Me passa o endereço, é que to procurando blogs pra ler, de preferencia Niley ou Jemi.
      Bom, eu já postei, espero te ver por aqui mais vezes!
      Bjsss

      Excluir
  5. Eu amo sua fic *-*
    Estou completamente viciada.
    Hoje vou trocar o famoso "Posta Logo!" por "Estou esperando ansiosamente pelo próximo capitulo",ahhh quer saber... POSTA LOGO PLEASE *---*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Me sinto lisonjeada por isso! =D
      Ja postei!
      Bjssss

      Excluir